Carlos e Maffalda – Novo EP do Funk na Caixa

carlos-e-maffalda1

O mais novo lançamento do Funk na Caixa mostra a nova escola do Neo Baile Funk, desta vez com os nomes de Carlos e Maffalda.

Leia Mais…

Conheça o Funk na Caixa.

(esse é um texto-relato)

O projeto do Funk na Caixa surgiu em 2010 por um ímpeto que tive em me destacar no cenário musical paulistano. Na época, eu tinha meus 21 anos e queria me tornar Dj. Depois de acompanhar de perto diversas festas e produtores, percebi que poucos deles trabalhavam com o funk. Nessa mesma época o maximal era o som do momento e produtores estrangeiros usavam vocais brasileiros do funk nas produções, o que na minha percepção era perfeito. Tive a ideia de que o funk poderia ser promovido como a música eletrônica brasileira e então abri o blog Funk na Caixa com o intuito de impulsionar minha carreira como dj, o dj Renato M2, e também mostrar esse cenário do funk.

 

Leia Mais…

O produtor LuzinBeats soltou a cachorrada nesse remix de trap!

10154020_633059126778930_1149612499608727270_nDj Luizin Beats

Caiu na nossa caixa de e-mail essa maravilha de remix para a música “Os Cachorrão Chegou” e p*rra, desde então anda difícil ouvir outra música. Quem teve essa sacada de remix favela trap foi o novinho Luizin Beats, do Rio de Janeiro. Com apenas 18 anos, ele já se arrisca nas produções. Como eu não conhecia ele, pedi por mais informações sobre o remix, e de quebra ELE LIBEROU O DOWNLOAD PRO FUNK NA CAIXA. Ô Beleza.

tipo assim véio, eu toquei e produzi “funk putaria” durante uns 2 a 3 anos, funk putaria mermo rs. Tinha uma reputação nesse meio, e até hoje sou muito ligado a isso, porque tenho muitos amigos no funk, meu antigo pseudônimo era “DJ LB Único” quem curtia montagens no funk me conhece, e eu ouvi essa música do cachorrão assim que lançou e curti a criatividade, nunca imaginei que eu iria remixá-la… Ai passou um carro aqui na rua tocando, eu ouvi e me veio a ideia de remixar, fui pra casa correndo pro notebook e saiu isso ai!

DOWNLOAD LINK Cachorrão (LuizinBeats Trap Mix) (Clique com o Direito e “Salvar como”)

Conheça a história do produtor e Dj Carlos Nunez

IMG_4868    

O Dj e Produtor Carlos Nunez anunciou recentemente na sua página do Facebook que irá começar a sediar aulas para passar a frente todo o seu conhecimento de produção e discotecagem. Carlos é nosso amigo há muitos carnavais (não estamos autorizado a contar quanto são), então chegamos no estúdio dele pra conferir o que vai vir por ai. De quebra, rolou uma entrevista sobre toda a carreira do Carlos. TODA MESMO. Tire 15 minutos do seu dia para conhecer mais da história do Carlos.

Leia Mais…

As novidades do MC R1

artworks-000108239469-ht7o8e-t500x500

 

O produtor e Mc R1, que já lançou um mini-ep conosco, tem soltado muito som FODA. As últimas 5 músicas que ele subiu, 4 são sucessos. Aquela música gostosa de ouvir, que casa a melodia dos vocais com a dos instrumentos, tem ritmo e ainda te convida pra cantar junto. Esse é um bom resumo do que é o trabalho do Mc R1.

BÔNUS: uma das suas músicas, a Treme a Bunda se tornou um viral no youtube e instagram com a #tremeabunda. Centenas de moças e rapazes esbeltos tem mostrado seu rebolado na telinha. Com uma procura rápida você já acha diversos videos no youtube. Aproveite pra você mandar o seu vídeo também!

De quebra, foi aniversário dele e ele meteu logo um vídeo pra mostrar o seu trabalho e show de comemoração. Separamos aqui as músicas e o vídeo pra você dar aquele confere, pra: se não conhece curtir o som da cara; se já conhecer, se antenar das novidades.

Aproveita pra seguir o produtor na sua página do Facebook e Soundcloud.

Confira os remixes do pernambucano Κ Şlĭng Ħσσĸ

avatars-000136832286-lxj8ir-t500x500

” Sé loko em cachorrera”, mas no caso do pernambucano Klever Alves, o lance é com o tigre. O cara que esta soltando alguns remixes de trap na sua página do soundcloud tem um gostinho a mais pelo funk. Separamos 3 que tem feito nossas tardes,  remixes pro Mc Pedrinho e Livinho, Mc Bin Laden e Mc Delano.

O produtor que ainda arrisca os remixes por brincadeira tem acertado a mão nos drops e no peso das batidas, um pouco mais e lança EP com originais e por ai vai. O mais legal é ver o Funk caindo no gosto de gente de longe, como do Nordeste. Mais um sinal de que o Funk é a música eletrônica brasileira. Confira os remixes:

O Pesadão Tropical mandou um set pra rádio SOHO

10354237_779358862147601_352510260446339486_n

Os novinhos mais queridos de Pelotas acabaram de subir um set de favela trap e funk carioca que eles mandaram para a rádio gringa Soho. O lance é porradeira e putaria do começo ao fim, do jeito que eles gostam. Com pouco mais de um ano, o trio se fechou uma temporada no estúdio pra produzir e se organizar melhor, e esse resultado você já consegue conferir pelo novo site dos caras e também pelos edits e remixes inéditos que aparecem no set.

Troquei uma ideia rápida com eles pra saber mais desse lance da SOHO.

Como surgiu o convite pro set da SOHO Radio?’
Uma DJ da SOHO colocou Favela Venceu num programa pra Radar Radio, também de Londres e nos mandou o link do programa pelo soundcloud. Aí nós agradecemos e ela perguntou se não rolava de fazer uma mixtape pra outro programa, porque ela tinha se interessado bastante pelo som.
Esse programa dela é bem legal, focado na bass music.
Como vocês reagiram a esse convite?
Po, foi legal pra caramba! É sempre bom ver que o nosso som tá chegando em lugares que a gente nem pensava em atingir antes. Saber que pela própria pesquisa musical da moça (Emily Dust), ela nos achou.
E o set, o que vocês podem adiantar dele?
Essa foi nossa primeira experiência em gravar set no Ableton. Procuramos “profissionalizar” mais as tracks que iam ser tocadas, no sentido de fazer a mixagem por tom (coisa que não era uma preocupação muito relevante antigamente). Procuramos também evitar ao máximo o uso de FX’s nas mixagens, li em uma matéria em um fórum, que a mixagem perfeita é aquela onde você não precisa usar artifícios não precisa “forçar” a mixagem, ela flui naturalmente.
Procuramos empregar isso também no set, bem como dar uma atenção especial para nossas tracks, de maneira a ter uma maior representatividade.

 

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 2.929 outros seguidores