TrapFunk&Alivio são os representantes do funk na Bahia

 

trap funk alivio 1

TrapFunk&Alivio é um movimento originado no Nordeste, mais exatamente na cidade Amaralina – Bahia, no qual um grupo de produtores misturam Trap music com funk carioca. O projeto, visa desenvolver o potencial de seus quatro integrantes: Dj Alle-x , Manno Lipe , Dj MG e Chico Divino. Mesmo que eles estejam na Bahia, eles mostram que a região não impõe o que eles vão ouvir, eles são do nordeste e gostam mesmo é de funk.

Moradores de um bairro periférico, que por diversas complicações como: falta de escolarização; dificuldade no mercado de trabalho; questões internas e familiares, viram as suas habilidades sendo desperdiçadas constantemente. Com o gosto compartilhado pelo funk e aproveitando o movimento trap global, o grupo resolveu misturar as letras de funk conhecidos com as batidas do trap e formam algo novo, que reflete não só a suas habilidades de criar, como forma também de diálogo entre o som produzido na comunidade e o som produzido fora dela.

Foi Chico Divino, produtor musical e designe gráfico, que começou à convocar. Ele já conhecia “os pivetes” (termo usado para chamarem uns aos outros) e passou a chama-los sempre para irem a sua casa, conversar sobre música, trocar influências e novidades que tinham visto por aí. Aos poucos, um por um, eles começaram a experimentar fazer algumas mixagens junto de Chico e ter mais autonomia sobre o que ouviam. Foi assim que o idealizador pensou em reunir todos num mesmo grupo de interesse, o TrapFunk&Alivio! Visto que seus integrantes têm influências similares e preferências compartilhadas isso poderia dar força a esse novo caminho de formação e o universo desconhecido da música no mercado.

O grupo anunciou o lançamento do EP Armadilha para maio, distribuído pelo Subeterrâneo Records. Enquanto isso você pode conferir alguns trabalhos do grupo que estão na sua página do soundcloud:

OBS: Quer conhecer mais do trabalho dos caras? Dê um pulo soundcloud e no Facebook.

trapfunkalivio2

 

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

*