Saiu o EP “Vira a Cara” do Leo Justi.

artworks-000123794255-lla751-t500x500

Resenha por: Guilherme Niches

O tão aguardado EP do Produtor carioca Leo Justi saiu! E se tem uma coisa que a gente curte é o trampo do Leo, tanto pela consistência no trabalho que ele apresenta há anos, como a criatividade que flui por todo o projeto que engloba o intitulado “Heavy Baile”. Com 5 músicas, o EP já está disponível para download gratuito. Confira nossa resenha ao EP abaixo.

A música que dá nome ao EP, “Vira a Cara”, já tem clipe lançado na MTV e com direção do Leandro HBL. Musicalmente apresenta uma variação muito interessante e peculiar ao longo do trabalho do Leo (particularmente, eu me amarro pra caramba) que é saída dos 128 BPM para cerca de 110BPM usando a levada do moombahton. A influência do moombah com a boa mão do Leo para “brincar” com os vocais resultou que  “Vira a Cara” esta fervendo para a pista (experiência já comprovada). Mas a coisa não para por aí, além de “Vira a Cara”, a música “Hoje eu tô facin” carrega a mesma característica e o trabalho com os vocais fica mais explícito dando à música toda cara do Moombahton.

 

Completando o EP, as músicas “Deela ding” (leia como Di ladin), “Pros amigo” e”Falaram que Eh Foda” são puras e totalmente pista. Possuem a cara e o peso do Heavy Baile, com batidas bem compassadas e que estruturam a música de uma forma que seja dançante do início ao fim – sem grandes pausas para pegar um ar. A “Pros amigo” e “Falaram que Eh Foda” contam com o aditivo extra: a participação do MC Tchelinho com rimas simples e efetivas, do tipo que grudam na cabeça e te fazem cantar ao longo do dia.

O EP ficou bem voltado pra pista, característica já firmada pelo Heavy Baile e pelo trabalho do Leo Justi. O EP também esta disponível de forma gratuita para os fãs ouvirem e baixarem. Arrisco a dizer que o “Vira a Cara” está entre no Top5 dos melhores lançamentos do ano até agora. Claro, na minha opinião.
Nota: 5/5 *****

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

*